No início de um novo ano lectivo, não queria, na qualidade de Director do CFAE GUARDARAIA, deixar de dar as boas vindas a todos os colegas e a todos desejar um bom ano de trabalho.

Como é do conhecimento de todos a formação de professores continua a não ser objecto de financiamento, pelo que o nosso plano de formação será construído recorrendo à boa vontade e disponibilidade dos nossos professores.

Penso que o nosso conhecimento só será efectivo se conseguimos partilhá-lo. A partilha será sempre a melhor forma de aferir o mesmo.

 

Platão dizia: “Quando a mente está pensando, está falando consigo mesma.” Vem dialogar e partilhar com os colegas, participando activamente na construção e execução dos nossos planos de formação.

Estamos a trabalhar para no mais curto espaço de tempo apresentar à Comissão Pedagógica um plano de formação para o biénio 2014/16. Pensamos que no início de Outubro estaremos em condições de propor o mesmo à aprovação. Será um plano de formação abrangente em termos de áreas de formação, dando especial atenção à formação em didácticas específicas.

Atendendo às alterações nas disciplinas de Português e Matemática, procuraremos realizar formação específica acerca das novas metas.

Tenho plena consciência que ao longo do ano lectivo vão surgindo dificuldades e necessidades de formação, pelo que estaremos sempres disponíveis para em conjunto encontrar as respostas necessárias para superar essas dificuldades. A falta de dinheiro é e será sempre uma grande limitação à construção dessas respostas, mas uma limitação não é uma impossibilidade e, com boa vontade e empenhamento de todos, estou certo que encontraremos na área de intervenção do centro alguém capaz de ajudar a encontrar as respostas que precisamos.

Termino solicitando aos colegas que se disponibilizem a integrar a Bolsa de Formadores internos, de forma a que os nossos planos de formação sejam cada vez mais amplos e abrangentes.

 

O Diretor do CFAE Guardaraia 

Agostinho Monteiro